quarta-feira, 12 de outubro de 2011

PRONTO PARA BRILHAR

in ojogo:

Chegado esta época aos campeonatos profissionais, Paulo Fonseca já chama a atenção. E pelos melhores motivos. O treinador do Aves, em ano de estreia nas provas profissionais está a conseguir o melhor arranque de época desde que o emblema da Vila das Aves regressou à II Liga. Um facto que, para já, pouca importância tem para Paulo Fonseca.

"Não me satisfaz essa estatística precoce, mas sim a evolução da equipa, que na sua composição tem muitos jogadores jovens que estão a saber aceitar as minhas ideias e a aprender", explicou o treinador, que, no entanto, não rejeita o efeito psicológico que seis vitórias (campeonato e Taça de Portugal) consecutivas têm.
"É óbvio que o acumular de vitórias traz não só confiança e motivação, mas principalmente tranquilidade para o trabalho diário, que é bastante importante quando se está a construir uma equipa", disse.

Sendo um treinador novo e em ano de estreia, com um bom arranque, é difícil fugir a comparações, nomeadamente com Quim Machado, que na época passada, em circunstâncias semelhantes, conduziu o Feirense à I Liga.

"Se conseguisse conquistar esta época tudo o que o Quim Machado conseguiu, seria fantástico. Mas não quero comparações. Tenho as minhas ideias, a minha ambição. Quero chegar ao patamar principal do nosso futebol, sei que tenho capacidade para lá chegar, mas não estipulei prazos", concluiu.

Paulo Fonseca é destaque no Jornal OJOGO
Foto: Miguel Ângelo Pereira


INFLUENCIADO POR JESUS, QUINITO E JEAN PAUL

Nos primeiros anos de profissão e muitas vezes nos últimos como jogadores, os treinadores aprendem com outros técnicos e Paulo Fonseca não podia ser excepção.
"Não me identifico com ninguém, mas reconheço que bebi do trabalho de algumas pessoas. No que toca à formação, acho que o professor Jean Paul é uma referência para mim. No que diz respeito ao trabalho táctico, o Jorge Jesus impressionou-me e também aprendi muito com o actual treinador do Benfica, bem como com o Quinito no que toca à relação com os jogadores", recordou o treinador dos avenses, actuais quarto classificados da Orangina.

Ligações:

3 comentários:

Anónimo disse...

6 vitórias consecutivas!? LOL!

Zé Fernandes disse...

queriam dizer 6 jogos sem perder, certamente (2 vitórias e 3 empates para o campeonato, 1 vitória para a taça). :)

Francisco Martins disse...

Penso que para todos aqueles que dizem mal,deviam refletir sobre esta noticia.....